GOAL SUPREME

GOAL SUPREME

Herbicida do Futuro

herbicida por contacto e actividade residual

 

Excelente eficácia com largo espectro de acção
Flexibilidade de aplicação
Formulação isenta de classificação
Mais seguro para o utilizador
Baixo risco para o meio ambiente

Composição e formulação : oxifluorfena

APV : 3424

 

COMPOSIÇÃO E FORMULAÇÃO
Suspensão Concentrada (SC) com 480 g/l de oxifluorfena
Embalagem: 100mL, 1L ou 5L

 

MODO DE AÇÃO
O GOAL SUPREME é um herbicida com acção por contacto e actividade residual, com excelentes resultados, em pré ou pós-emergência precoce das infestantes anuais monocotiledóneas e dicotiledóneas.

 

Infestantes Susceptíveis:

- Dicotiledóneas:
Bredos (Amaranthus spp.); pão-posto (Anacyclus radiatus); morrião (Anagallis arvensis); margação (Anthemis arvensis); erva-vaqueira (Calendula arvensis); bolsa-do-pastor (Capella rubella); fidalguinhos (Centaurea cyanus); catassol (Chenopodium album); Coronopus didymus; grizandra (Diplotaxis catholica); soagem (Echium plantagineum); maleiteira (Euphorbia helioscopia); erva moleirinha (Fumaria officinalis); erva-da-moda (Galinsoga parviflora); amor-de-hortelão (Galium aparine); Gamochaeta subfalcata; gnafa-cinzenta (Gnaphalium uliginosum); aranhões (Illecebrum verticillatum); lâmio (Lamium amplexicaule): bem-me-quer (Leucanthemum sylvaticum); Leontodon hispidus; erva-dos-moinhos (Logfia gallica); malvas (Malva spp.); Matricaria spp.; luzernas (Medicago spp.); urtiga-morta (Mercurialis annua); erva-pata (Oxalis pes-caprae); papoila-das-searas (Papaver rhoeas); raspa-saias (Picris echioides); Polygonum spp.; beldroega (Portulaca oleracea); saramago (Raphanus raphanistrum); labaça-obtusa (Rumex obtusifolius); tasneirinha (Senecio vulgaris); nariz-de-zorra (Sillene gallica); mostarda-dos-campos (Sinapis arvensis); rinchão (Sisymbrium officinale); erva-moira (Solanum nigrum); serralha-áspera (Sonchus asper); serralha-macia (Sonchus oleraceus); urtigas (Urtica spp.); veronicas (Veronica spp.); violetas (Viola spp.); ervilhacas (Vicia spp.).

- Monocotiledóneas:
Rabos-de-raposa
(Alopecurus spp.); balancos (Avena spp.); milhãs (Digitaria spp.); milhã-pé-de-galo (Echinochloa crus-galli); azevéns (Lolium spp.); cabelo-de-cão (Poa annua); milhãs (Setaria spp.).

 

Infestantes Moderadamente Susceptíveis:

Morugem branca (Stellaria media); avoadinha (Conyza canadensis).

 

Infestantes Resistentes:

Alho-das-vinhas (Allium vineale); corriola (Convolvulus arvensis); grama (Cynodon dactylon); junça (Cyperus rotundus); lepídios (Lepidium spp.); sorgo-bravo (Songhum halepense).

 

Principais Culturas Concentração / Dose Aplicação Intervalo de Segurança
Cebola 0,75-1 L/ha


Cebola transplantada. Aplicar em pós-plantação da cultura às 2 folhas verdadeiras (cerca de 14 dias após a plantação). É possível a ocorrência de cloroses ligeiras nas plantas.
 

Não tem
Cerejeira brava 2-2,5 L/ha
Aplicar em pré ou pós-plantação (nos 7 dias a seguir a plantação). A aplicação deve ser dirigida ao solo. Utilizar as doses mais elevadas em solos ricos em matéria orgânica. No momento da aplicação o terreno deve estar bem preparado e com alguma humidade.
 
Não tem
Clementina 1,5-2 L/ha
Aplicar em pomares de citrinos a partir do 1° ano de plantação, desde que a apficação seja dirigida ao solo, de modo a não atingir as partes verdes das plantas. As aplicações de GOAL SUPREME não devem ser efectuadas nas épocas de crescimento activo das culturas (aplicar no fim do Outono ou fim da Primavera).
 
Não tem
Couve de inflorescência 0,75-1,25 L/ha, em Couve-flor
0,75-1 L/ha em Couve-brócolo

Aplicar em pré-plantação das culturas. A dose de 0,75 L/ha devera ser aplicada em cultivares precoces dada a sua maior sensibihdade ao produto e em plantações manuais. No caso de cultivares não sensiveis ou de grandes infestações de morugem branca (Stellaria media) ou de erva-pata (Oxalis pes-caprae) ou em plantações mecânicas usar a dose mais elevada. Entre a aplicação do GOAL SUPREME e a plantação deve respeitar-se um intervalo de 5 a 8 dias devendo nesse período proceder-se a uma rega. Na altura da aplicação o terreno deve estar bem preparado só, se devendo aplicar o GOAL SUPREME em terrenos armadas em camalhão. Nas plantas instaladas em solos tratados com GOAL SUPREME é possível ocorrerem sintomas de necroses típicas nas folhas basais. Na altura da plantação as plântulas devem estar em bom estado fisiológico e sanitário.
 
Não tem
Couve de repolho/cabeça 0,75-1,25 L/ha, em Couve-repolho e Couve-lombarda
Aplicar em pré-plantação das culturas. A dose de 0,75 L/ha devera ser aplicada em cultivares precoces dada a sua maior sensibihdade ao produto e em plantações manuais. No caso de cultivares não sensiveis ou de grandes infestações de morugem branca (Stellaria media) ou de erva-pata (Oxalis pes-caprae) ou em plantações mecânicas usar a dose mais elevada. Entre a aplicação do GOAL SUPREME e a plantação deve respeitar-se um intervalo de 5 a 8 dias devendo nesse período proceder-se a uma rega. Na altura da aplicação o terreno deve estar bem preparado só, se devendo aplicar o GOAL SUPREME em terrenos armadas em camalhão. Nas plantas instaladas em solos tratados com GOAL SUPREME é possível ocorrerem sintomas de necroses típicas nas folhas basais. Na altura da plantação as plântulas devem estar em bom estado fisiológico e sanitário.
 
Não tem
Eucalipto 2-2,5 L/ha
Aplicar em pré ou pós-plantação (nos 7 dias a seguir a plantação). A aplicação deve ser dirigida ao solo. Utilizar as doses mais elevadas em solos ricos em matéria orgânica. No momento da aplicação o terreno deve estar bem preparado e com alguma humidade.
 
Não tem
Laranjeira, Limoeiro, Tangerineira e Toranjeira 1,5-2 L/ha
Aplicar em pomares de citrinos a partir do 1° ano de plantação, desde que a apficação seja dirigida ao solo, de modo a não atingir as partes verdes das plantas. As aplicações de GOAL SUPREME não devem ser efectuadas nas épocas de crescimento activo das culturas (aplicar no fim do Outono ou fim da Primavera).
 
Não tem
Macieira, Pereira e Pessegueiro 1,5-2 L/ha
Aplicar em pomares a partir do 2° ano de plantação, desde que a aplicação seja dirigida ao solo de modo a não atingir as partes verdes das plantas. O GOAL SUPREME só deve ser aplicado durante o período de repouso vegetativo ou após o vingamento dos frutos (nunca antes de Maio).
 
Não tem
Oliveira 1,5-2 L/ha
Aplicar em olivais a partir do 1° ano de plantação, desde que a apficação seja dirigida ao solo, de modo a não atingir as partes verdes das plantas. As aplicações de GOAL SUPREME não devem ser efectuadas nas épocas de crescimento activo das culturas (aplicar no fim do Outono ou fim da Primavera).
 
Não tem
Pinheiro Bravo e Pinheiro Manso 2-2,5 L/ha
Aplicar em pré ou pós-plantação (nos 7 dias a seguir a plantação). A aplicação deve ser dirigida ao solo. Utilizar as doses mais elevadas em solos ricos em matéria orgânica. No momento da aplicação o terreno deve estar bem preparado e com alguma humidade.
 
Não tem
Videira 1-2 L/ha.
Aplicar em vinhas a partir do 3° ano de plantação. O GOAL SUPREME só dove ser aplicado durante o período de repouso vegetativo e até cerca de 1 mês antes da rebentação da vinha.
 
Não tem

 

 

 

Centro de informação anti-venenos: 808 250 143

 

Precauções toxicológicas, ecotoxicológicas e ambientais

 

 

 

Prejudicial para o
Meio Ambiente

Muito tóxico para os organismos aquáticos, com efeitos duradourosSe for necessário consultar um médico, mostre-lhe a embalagem ou o rótulo.
Manter fora do alcance das crianças.
Não respirar os fumos, a nuvem da pulverização.
Não comer, beber ou fumar durante a utilização deste produto.
EM CASO DE INGESTÃO: contacte imediatamente um CENTRO DE INFORMAÇÃO ANTIVENENOS ou um médico.
Recolher o produto derramado.
Eliminar o conteúdo/recipiente de acordo com regulações aplicáveis.
Não poluir a água com este produto ou com a sua embalagem. (Não limpar o equipamento de aplicação perto de águas de superfície./Evitar contaminações pelos sistemas de evacuação de águas das explorações agrícolas e estradas).
Para proteger organismos aquáticos, respeite uma zona-tampão até as massas de água superficiais (consulte as medidas para reduzir o risco).

 

Para evitar riscos para os seres humanos e para o ambiente, respeitar as instruções de utilização

 

Precauções Biológicas

 

- Não se deve tratar com GOAL SUPREME culturas que não se encontrem em perfeito estado de desenvolvimento vegetativo devido a problemas fisiológicos, sanitários ou climáticos. 
- Não aplicar o GOAL SUPREME em estufas ou túneis,
- No caso de aplicação do GOAL SUPREME em solos com tendência a abrir gretas, tratar após a formação destas; 
- Não mobilizar o solo após a aplicação do GOAL SUPREME; 
- No caso da aplicação em pré-plantação em couves e eucaliptos, mobilizar o solo o mínimo possível; 
- Não atingir os terrenos e culturas vizinhas das áreas a tratar com GOAL SUPREME; 
- Em culturas perenes, utilizar sempre campanula de protecção e baixa pressão, em tratamentos dirigidos ao solo; 
- Evitar aplicar o GOAL SUPREME em zonas sujeitas a forte encharcamento, inundáveis ou após a ocorrência de chuva intensa.

PRODUTOS

ONDE COMPRAR

Localize o distribuidor mais perto de si:

SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER